Afrânio Peixoto

 

Júlio Afrânio Peixoto nasceu em Lençóis (BA) em 17 de dezembro de 1876.

Educador, escritor e médico. Ativo participante da A.B.E.,  de 1933 até 1947. Ainda no campo da Educação, destacou-se como professor reformador e administrador. Ocupou cargos de direção no ensino público onde criou a inspeção médico-hospitalar. Empenhou-se no aperfeiçoamento da formação de educadores, dando especial atenção à do professor primário e, no seu contexto, à Escola de Aplicação. No Instituto de Educação, em 1932, Afrânio Peixoto assumiu a cadeira de História da Educação. Foi ainda o primeiro reitor da Universidade do Distrito Federal. Sua obra abrange, além de livros didáticos, os campos da Medicina Legal, do Direito, da Pedagogia, da crítica literária, o romance e a poesia. Como romancista, caracterizou-se pelo estilo regionista. Suas obras literárias foram publicadas em 1944. Faleceu em 12 de janeiro de 1947.